domingo, abril 06, 2008

Património Oral e Imaterial das Terras de Miranda?

Hoje dia 6 de Abril de 2008, o "Agarra-me estes Palos" decidiu trazer para discussão uma possível candidatura de Terras de Miranda a Património Oral e Imaterial da UNESCO. Esta pode ser uma temática de vital importância para o futuro do património de toda a nossa região. E porque decidimos agora fazê-lo?
Porque, enquanto outros se movimentam para ver o seu património defendido, mesmo não estando tão em risco como o nosso, tal como é o caso da candidatura Galego-Portuguesa a Património Imaterial da Unesco, nós nada fazemos. Continuamos passivos vendo outros fazerem o que nós poderíamos fazer, tendo em visto a riqueza patrimonial e cultural da nossa terra.
Deixo-lhes por fim umas perguntas: Não gostaria de identificar, salvaguardar, revitalizar e promover o nosso património oral e imaterial? Não gostaria de ver a nossa língua, os pauliteiros, as tradições, os rituais, os doces regionais, os artesãos, o teatro popular mirandês, entre muitas outras coisas, serem protegidas pela UNESCO e reconhecidas em todo o Mundo?...
Então não acha que é tempo de a nossa terra ter o reconhecimento devido? Então não acha que é tempo de organizar-mos a Candidatura das Terras de Miranda a Obra-Prima do Património Oral e Imaterial da Unesco?

Agarra-me estes Palos,
Pelas Terras de Miranda

7 comentários:

Anónimo disse...

Temos mais valias por isso se todos nos envolvermos neste projecto puderemos ser capazes.
Força com isso!

Boieiro disse...

Buonas nuites

Antón toca a andicar l camino. Se cada un fazir l que sabe i puode todo será más fáçl.
Que deia las ouriantaçones quien sabe, qu'estas cousas són cume las corridas de maratona: siempre tenemos que ampeçar!

Abraços

Almendra disse...

Comigo podeis siempre cuntar i bamos al trabalho.
La Tierra de Miranda ten todo l que ye perciso.
La eideia yá aparciu, nun se puode deixar morrer.

Abraços
Almendra

Tiégui disse...

L que yê mas stranho, yê que son siêmpre rapazicos qu'achan las eideias. Y los que stan anriba sientadotes nun l benen las eideias a la cachimonia !

Hai barias danças que stan anscritas nal patrimonio imaterial de l'UNESCO. Acho que pa la dança de palos isso si l podeis pedir.

Agora los bolhos i la lhiêngua aposte que debe de ser outra cousa.

Meter isso todo a l'UNESCO nun seguenefica que mos lo ban a protegir. Pus sabeis bien que los que protigen somos nos !

Agora talbeç que dessa maneira se puôda obtener mas fuôrça i recoinecimiento, de cierto antresse eiconomico si se debe d'apanhar.

Mas de tod'las maneiras ya se bera se Miranda muda pul denheiro ou pula lhiêngua ou pur un cachico de las dues cousas.

Anónimo disse...

Patrimómio oral??? Gosto mais de sexo oral...

Tiégui disse...

Pedradas al anonimo Purtues yê l que meréce !
Praino Lhibre !
:p

Anónimo disse...

Se furam uas merendolas ou fartanças e burracheiras antom als nuossos mandantes si se amportaban,