terça-feira, maio 15, 2007

UTAD?! A história que ninguém quer contar..

Desde a abertura do Pólo da UTAD de Miranda do Douro, que paira sobre o mesmo a sombra do encerramento. Todo o processo de criação e desenvolvimento do pólo mirandês jamais foi pacífico. Ao início, por os Bragançanos se terem manifestado indignados por a UTAD não apostar na capital de Distrito para aí instalar um dos seus pólos, afirmando que tudo não passava de jogos políticos. Depois com o tempo, a UTAD reclamou melhores infraestruturas à autarquia ameaçando-a com o encerramento, mas pelos vistos não passava tudo de simples desculpas para conseguir o tão desejado encerramento. Chegou, no passado Verão, a notícia que a licenciatura em Antropologia Aplicada iria encerrar e reabriria no ano lectivo seguinte. Mais tarde, neste ano lectivo, com a estipulação da propina máxima, os alunos exigiram um ensino de maior qualidade, rigoroso e sobretudo uma maior organização interna do Pólo, a qual nunca lhes foi dada.
Em todos estes anos nada foi pacífico no pólo mirandês, e agora em que ponto nos encontramos?! Quem ou o que tem falhado?Quem esconde o quê?..
São algumas das respostas a que o Agarra-me estes Palos tenta responder...
Ainda este ano lectivo, após a fase de candidaturas ao ensino universitário, Mascarenhas Ferreira, Reitor da UTAD, admitia ter errado ao não ter aberto mais vagas para o curso de Serviço Social, visto que houve um número muito superior de candidatos em relação às poucas vagas disponibilizadas. Na mesma altura, avançou que graças ao elevado número de candidatos o pólo se manteria aberto em 2007/2008 e que o número de vagas iria aumentar.
Agora vem, por um lado, a público afirmar que se o Governo nada fizer o pólo de Miranda irá mesmo encerrar. Em declarações à Rádio Brigantia, afirmou: “Desde que sou reitor já tive três primeiros-ministros e três ministros e nenhum deles me deu uma clara demonstração que estava interessado em apostar nos pólos. Com as fortes restrições financeiras que tem a UTAD temos de pensar seriamente na continuidade desses pólos, até porque temos uma agencia de acreditação e validação que nos vai aferir em termos de qualidade, qualidade essa que tem sido comprometida com a falta de investimentos nesse pólo”.
À Universidade FM, sublinhou que a juntar a este desinteresse do Governo está ainda a fraca procura dos cursos destes pólos (veja-se a mentira que agora anda por aí a pregar), daí que Mascarenhas Ferreira defenda que é urgente encontrar soluções.
Por outro lado, afirmou que Miranda “não pode dar mais do que aquilo que tem dado”, referindo que a autarquia pôs à disposição da academia transmontana “instalações e até docentes”. Afirmou, de igual modo, que não será por culpa da reitoria da UTAD que os Pólos de Miranda e Chaves encerrarão.
Sejamos sinceros, na problemática curta vida do pólo ninguém pode sacudir a água do seu capote. Tanto os sucessivos governos PSD e PS (Barroso, Santana e Sócrates), como os "pequenos" partidos, como a UTAD e o seu reitor nada fizeram, neste tempo, para que o pólo continua-se de portas abertas. Muito pelo contrário, apenas os mirandeses e as suas sucessivas autarquias, bem como, alguns alunos do pólo de Miranda se têm esforçado em apostar na continuidade do pólo e na melhoria das suas condições.
E agora? Não será já altura de os deputados eleitos pelo distrito de Bragança virem a público manifestar a sua indignação pelo encerramento do pólo de Miranda? Que têm feito, respectivamente, o deputado mirandês Duarte Lima pela manutenção do ensino universitário na sua cidade natal, e da qual é Presidente da Assembleia Municipal?
A situação é negra. A Câmara tem tentado segurar o pólo, mas só com apoios visíveis na comunicação social, e capazes de efectuar pressão junto da UTAD e do Governo se conseguirá um desfeixe positivo para o futuro do pólo e da cidade de Miranda do Douro. Miranda tem de acordar a imprensa nacional para o debate do ensino unversitário, no interior do país, como factor do seu desenvolvimento, bem como factor de desenvovimento de um país que se pretende harmonioso e equilibrado a nível regional.
Como todas as histórias têm um fim, o desta será contado já em Junho, aquando da reunião do Senado da UTAD e da divulgação da decisão do encerramento ou não do Pólo da UTAD de Miranda do Douro.
Até lá não se espere... lute-se!

9 comentários:

Anónimo disse...

Muito bem falado. Toda as pessoas de Miranda e não só sabem destas coisas mas tem faltado coragem para falar delas. Parabéns ao grupo de pauliteiros de miranda que tem sempre levantado questões importantes para todo o nordeste.

Anónimo disse...

Presidente
Eng. Manuel Rodrigo Martins (PSD)

Vereadores em Regime de Permanência
Eng. Américo do Vale Tomé (PSD)

Sem Regime de permanência
Prof. António Augusto de Castro Carção (PSD)
Dr. Ilídio Rodrigues (PS)
Dr. Domingos Raposo (PS)

Presidente da Assembleia Municipal
Domingos Duarte Lima


http://www.cm-mdouro.pt/camara_municipal/camara_estrutura_organica.html

pauliteiros de Miranda do Douro disse...

Peço desculpa pelo engano! O Agarra-me estes Palos também falha como qualquer meio de comunicação!

Já está corrigido o erro! Mas o que interessa verdadeiramente nesta questão é o empenho dos mirandeses na resolução deste problema! É darem a sua opinião e tentarem acordar os meios de opinião pública! Façamos isso e vão ver que todos um dia iremos agradecer a nós mesmos!!

Sem mais... Saudações Mirandesas!

Anónimo disse...

Pois, têm razão no que afirmam, exceptuando apenas um ponto: quando a utad abriu em miranda, as instalações onde funciona, constava na altura serem provisórias e a câmara, já se tinha mesmo comprometido a construir outras instalações com melhores condições e também maiores dimensões para este pólo poder acolher mais cursos, que o dinamizassem e o assegurem nesta cidade. Porém, anos volvidos, o engenheiro-técnico Manuel Rodrigo nada fez e apenas se mostra comovido pela situação em frente aos órgãos de comunicação social. Quanto às últimas autárquicas, correu em Miranda o boato que Manuel Rodrigo teria dito num dos seus comícios que pouco se importava se o pólo continuasse aberto ou não e que, por si, queria mais é que ele fechasse. Será tal verdade? Não sei. Mas que nada tem feito em prol de o conseguir manter na cidade: é um facto.
Quanto ao facto de a câmara ceder docentes à utad, também é efectivamente verdade, pois o dr. Jorge Lourenço, em pleno horário laboral na câmara municipal, deslocava-se ao pólo da utad, sem ter devida autorização para tal, entenda-se autorização para acumulação de cargos, leccionando várias disciplinas.
No que toca ao actual reitor da Utad, é sabido desde a sua eleição, que nunca tinha sido, era ou seria um fervoroso adepto da criação e manutenção dos pólos da Utad de Chaves e Miranda.
Posto isto, é de louvar a acção do agarra-me estes palos, ao divulgar o caso e tentar fazer algo por Miranda.
Saudações

Anónimo disse...

Olá! Em primeiro lugar keria dar os parabens ao blog por tocar num tema muito sério!!!! E quero deixar aqui o meu grito de revolta, fustração e até mesmo de desilusão com tudo em geral.
1º Ponto- Como aki já foi referido todos nós, MIRANDESES, já ouvimos ou na altura ouvia-se falar, de que, as instalações do polo seriam temporárias e que seria construido um edificio, e que por sua vez, viriam tambem mais cursos para o já referido edificio.
2º Ponto- Quem está em falta? O Sr. Presidente ou o Sr Reitor? Ou serão os Dois? Cheira-me que aki está a acontecer algo parecido com o que já aconteceu há uns anos, O Piaget ia instalar-se em Miranda do Douro e o Sr. Amândio Gomes (Presidente da Câmara na altura) em troca de um lugar chorudo com melhor salário e menos dores de cabeça, deixou que o mesmo fosse instalado em Macedo onde ainda se encontra e com grande sucesso. Agora eu pergunto quem vai receber e ganhar com o fecho do pólo?
3º Ponto- Foi referia a entrevista do Reitor numa Rádio, em que afirma que a Câmara não pode dar mais do que já deu!!!! Meus amigos andamos a brincar ao boby e ao tareco, pelo amor de deus, esse mesmo reitor acusou o Sr. presidente de nada fazer em relação ao polo! Nem sequer de se Preocupar com a situação! Então quem mente?
4º Ponto- Toda a gente sabe que Miranda vive do Comércio, industria não há, turismo a câmara não quer ouvir falar e nada faz ao respeito, mas sendo Miranda um pequeno grande centro comercial ao ar livre e puro, Onde está o Presidente da Associação comercial a defender os interesses dos comerciantes que pagam as cuotas todos os anos, onde está o Sr. Tó Nunes, Porque é que não fala agora ou não se vem pronunciar sobre estes boatos praticamente certos de que o polo vai fechar?
5º Ponto- Este é daqueles temas que peço já antecipadamente desculpa mas akele ke se sentir ofendido é porque lhe assentou a carapuça. Todos nós reclamamos com o poder, seja ele PS ou PSD ou CDS, tanto faz, mas o importante é reclamar! Mas nesta situação com quem se tem de reclamar são em 1º lugar com os senhorios dos estudantes, neste momento temos mais de 200 estudantes em miranda, há senhorios que tem 11 quartos alugados a estudantes, mas tão caladinhos! Não faz mal que o Pólo vá embora eu pro ano não ganho akele dinheiro extra que não declaro ao estado, mas vivo com o que os espanhois me dão! Já me chega! E os senhores dos supermercados, ou já se esqueceram de que os estudantes académicos tambem se alimentam, tambem cuidam da sua higiene pessoal e que para isso é preciso comprar produtos que se vendem nos supermercados! E os empresários da restauração, outros esses nem palavra se houve, os estudantes não fazem jantares de curso, de fim de semestre de inicio de semestre, de tunas, de finalistas, de caloiros, os restaurantes não ganham nada eles até oferecem os jantares aos estudantes!!!
Por favor onde estão:
Os Senhorios
Os Comerciantes
Os empresários dos Supermercados
Os empresários da Restauração
Onde está esta gente?
Eu acho engraçado quando chego a um blog e vejo aquelas richas e trocas de palavras entre os Sendineses e os Mirandeses, quem não conhece fica até envergonhado de ler aquelas barbaridades, mas quem conhece a realidade, e eu conheço por que SOU MIRANDÊS E LEVAREI SEMPRE MIRANDA NO CORAÇÃO, mas como conheço tenho de admitir que tenho vergonha dos Mirandeses, um Sendinês luta sempre por aquilo que quer, revolta-se, une-se em prol de Sendim, um Mirandês não só é um cobarde porque se esconde e tem medo de falar, mas tambem se tiver que defender alguma coisa só defende o seu próprio nariz. Pelo amor de Deus Vamos Demonstrar a Portugal, Ao Districto, àos Sendineses, Ao Mundo, A nós e sobretudo Á merda dos Políticos, PS e PSD, que se quiserem os nossos votos que nós estamos e vamos Lutar por UM Pólo em Miranda decente com melhores infraestruturas, Com melhores docentes, Com mais Cursos, estamos e vamos lutar pela Reabertura do SAP, estamos e vamos lutar para que o Tribunal não Feche como se Diz, QUE ESTAMOS E VAMOS LUTAR PARA QUE NADA FECHE EM MIRANDA, MAS SIM PARA QUE ABRA TUDO E QUE MIRANDA CRESÇA COMO JÁ CRESCEU UM DIA.....

Peço desculpa se feri os sentimentos a alguem que não tem culpa!
Aqueles que são culpados, que tem culpa porque nada fazem, meus senhores, minhas senhoras, rapazes, raparigas,
FODAM-SE TODOS E IDE Á MERDA...

De um Mirandês revoltado, mas não calado.

Anónimo disse...

Uma pas opiniões mais lucidas que li alguma vêz neste blog, os meus parabens a alguém que sabe o que está mal... Precisamos de sair detrás dos blogs, eles por nós não fazem nada. Vamos saír para a rua afinal é lá que se passa toda a acção, e nós estamos aqui... atrás de um monitor, o pouco que temos, estamos a perde-lo, os que podem mudar esta situação têm mais medo que nós(têm tachos a perder!), temos de lhes mostrar que sem o nosso apoio não são ninguém! Logo, têm de por aqules montes de sebo a fazer qualquer coisa realmente util!
VAMOS LÁ PARA O RAIO DA RUA, MOSTRAR QUE TAMBÉM SOMOS PORTUGUESES DE PLENOS DIREITOS, NÃO É SO VIR AQUI A EXPOLRAR RECURSOS, E RETIRAR IMPOSTOS TODOS OS MESES...

ORGANIZEM-SE MANIFESTAÇÕES, REUNIÕES... EU ALINHO...!!!!

Thierry disse...

Bon dia,
eu como ja dise nunca vivie em Miranda, e menos em Portugal bastante tempo para saber como sao as coisas, e de facto é por isso que eu desedie estagiar agora no Porto.
Por acaso, nao sei quem sao, nem de onde sao, nem onde estao agora. Nao conheço quase nada da historia da UTAD, apenas o que eu lie, e como sao "dados atirados ao ar" é dificel entender para min o que se passa realmente.

Mas em fim, o blog nao é uma soluçao e por isso gostaria de vos encontrar A TODOS nun sitio qualquer em Miranda o onde fore "nal Praino".

Nando disse...

É assim de forma a nos encontrar-mos tem que ser num fim-de-semana e já só vejo o próximo disponível!Depois é tarde de +!
E a haver manifestação tem que ser feita até ao próximo fim-de-semana!!Logo temos que decidir isto na net através d telefonemas,sms e otas vias cm os blogs!!

Já por várias vezes nos reuni-mos on-line(via msn), grupos de jovens mirandeses, para equacionar uma / + formas de manifestação! Por enquanto ainda nada foi decidido! São precisas ideias diferentes para se atingir verdadeiramente a opinião pública nacional!!

Podia-mos marcar uma hora e um dia e para discutir via msn as ideias d cada um, sem nos esconder-mos pros tras dos blogs!! e depois passa-las ao pexoal da utad que já se está a mexer para evitar o encerramento!

Com uma simples manifestação não se vai lá! Tem que ser uma manifestação diferente!Que marque a diferença!e que chame a atenção dos media!!

Espero ter-me feito entender!

Saudações mirandesas e a ver se nos mexemos!

Thierry disse...

Ola Nando, com vos pauliteiros, so pode ser diferente !
Aqui fica o meu MSN : elf_vlf@hotmail.com quem quer adicionar que adicione... fiquai a vontade !

Anté lhougo anton !