terça-feira, junho 19, 2007

UTAD NÂO VAI FECHAR. Mas 1ºano tem que ficar!

A Universidade de Vila Real anunciou hoje a criação de uma comissão que vai estudar meios para manter a funcionar o pólo de Miranda do Douro, ameaçado de fechar devido à falta de financiamento e de alunos ("SR. Mascarenhas falta de alunos é mentira e você sabe bem, você este ano lectivo disse ter ficado arrependido de não ter aberto mais vagas para Miranda. Tenha respeito pelos mirandeses ou nós mesmos lhe diremos isto à frente de todo o país caso não tenha vergonha de tal assunto debater na televisão, porque em Portugal não se debate só a OTA").
Aqui fica o desafio!
Universidades no Meio Rural, que futuro?

O senado da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, com sede em Vila Real, aprovou hoje a constituição de uma comissão que, segundo o reitor, Armando Mascarenhas Ferreira, irá "esgotar todos os meios para conseguir alternativas viáveis" (agradecemos caso se verifique tal facto) para a manutenção do pólo de Miranda do Douro, no distrito de Bragança.
O reitor referiu que "são muitas as desvantagens" (mentira! Salamanca nem é a maior universidade de Espanha) apresentadas pela extensão de Miranda de Douro e que vão desde a "localização geográfica à falta de atractividade para os alunos que concorrem ao ensino superior" (mentira! a maioria dos alunos que cá estão votaram pela continuidade do Pólo em MIranda, porque será?!).
Estes factores aliados à falta de financiamento do ensino superior (é verdade!) colocam em risco a manutenção daquele pólo, onde, actualmente, a UTAD tem em funcionamento apenas o curso de Serviço Social.
Mascarenhas Ferreira salientou que, já no próximo ano lectivo, os novos alunos que queiram ingressar neste curso vão estudar para Vila Real, mantendo-se no pólo apenas os segundo e terceiro anos.
Durante um ano a comissão vai estudar todas as alternativas possíveis para o pólo, as quais, segundo o reitor, podem passar pelos cursos do segundo ciclo (novo mestrado segundo Bolonha), a realização de seminários ou congressos, promoção de áreas de investigação na área do ambiente ou iniciativas conjuntas com a universidade espanhola de Salamanca (afinal tinhamos razão, somos um dos pólos estrategicamente melhor colocados na Península Ibérica).
Para o presidente da Associação Académica da UTAD, Bruno Gonçalves, a retirada do primeiro ano da licenciatura de Serviço Social de Miranda equivale à "morte lenta" daquele pólo. "Significa que, dentro de dois a três anos, acaba o curso em Miranda", afirmou. O presidente da Câmara de Miranda do Douro, Manuel Rodrigues Martins, vai integrar a comissão criada pela UTAD, no entanto, mostrou-se muito preocupado com o futuro do ensino superior no seu concelho. "A população de Miranda do Douro criou muitas expectativas à volta da universidade, que contribuiu muito para o desenvolvimento social, cultura e económico do concelho", salientou o autarca. Manuel Rodrigues Martins referiu que, desde que a UTAD abriu o pólo há oito anos, a construção cresceu 10 por cento em Miranda do Douro.
Armando Mascarenhas Ferreira garantiu ainda a manutenção do pólo da UTAD em Chaves, onde em conjunto com a Escola Superior de Enfermagem, estudam cerca de 1000 alunos no ensino superior (aqui sim há interesses!).
O reitor afirmou que a UTAD mantém a intenção de integrar a Escola Superior de Enfermagem na UTAD mas, se não se concretizar, o responsável referiu a possibilidade de serem criadas parcerias público-privadas com vista ao desenvolvimento do ensino superior neste concelho.
No próximo ano lectivo os alunos da UTAD em Chaves poderão já passar para as instalações da Escola Superior de Enfermagem.
O presidente da Câmara de Chaves, João Baptista, salientou as condições de atractividade do seu concelho, desde as acessibilidades com a Auto-estrada 24 que vai ligar esta cidade a Vila Real em cerca de 35 minutos, ou a A52 que, a partir do próximo ano, vai ligar o concelho à Galiza.
O senado da UTAD decidiu estabelecer o valor da propina de 920 euros para o primeiro e segundo ciclos.
HAJA RESPEITO... CHAVES IA ENCERRAR E AGORA QUEREM ENCERRAR LENTAMENTE O PÓLO DE MIRANDA! AQUI NINGUÉM VAI FECHAR NADA!
PALAVRA DE PAULITEIRO!
MIRANDA não morre,
a não ser que venhas conosco para a cova Mascarenhas!
Não somos JSD, nem JS, nem JP , nem JCP,
SOMOS JOVENS MIRANDESES,
SOMOS CARNE MIRANDESA MAS DURA DE ROER,
POR MIRANDA
SEMPRE!

14 comentários:

Anónimo disse...

NNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNÃO

Anónimo disse...

Um unico reparo
-"rurais" e provincianos são eles!!!
Que não vêm mais do que o seu próprio umbigo!!!

Estamos entregues a nós!!

já aguentamos estes séculos todos, Miranda do Douro não vai ir abaixo, vão ter de nos aguentar...!!!

Afinal Portugal acaba um pouco antes de Mirandela (para quem vem!)!!!

Tiêgi disse...

Pfffiuu inda bien, anton la tal carta si fizo algo ;-) Pa l'anho habera que screbir outra...

"...a realização de seminários ou congressos, promoção de áreas de investigação na área do ambiente ou iniciativas conjuntas com a universidade espanhola de Salamanca."

Isso yê al que you chamo OUROPA ! Trabalhar cun Salamanca serie mui buôno !

Anónimo disse...

Smm mas perder o curso ou os cursos que já cá estão é mau.
Eles querem transformar isto provavelmente num centro de formação avançada, como um recentemente criado pela universidade de évora.
Nao é uma má ideia, mas se queremos continuar a ter vida académica, a ter jovens que estudem durante algum tempo na nossa cidade necessitamos de uma universidade com cursos regulares. e não cursos apenas de formação inicial.

Anónimo disse...

Agora sim foi-se! Estive à pouco a falar com alunos do polo de Miranda, o sentimento comum é: Desilusão, nem uma unica pessoa com as que falei quer ficar cá em Miranda nestas condições! Não os censuro, eu se estivesse na pele deles também não queria!
É triste e desalentador viver num sitio que parece estar ao abandono, vamos isso sim ser alvo de estudos etnológicos, porque daqui a pouco o que vai estar em via de extinção vamos ser nós, os que cá vivemos, e não estou a ser negativista, mas sim realista!!!

Anónimo disse...

acabou por acontecer o que já â muito tempo se esperava e o que já â muito tempo queria o presidente ca camara.Agora vem dizer que a camara vai fazer parte ca tal dita comissão. Para ele é mais importante gastar uns milhões de euros em charcas do Fresno do que gastar algunas (poucas) centenas de milhar de euros num edificio para o polo. ë assim que esse tal Mascarenhas agardece o voto que andou a mendigar em Miranda ? ele e o presidente da camara sabem daquilo que estou a falar. Mirandeses, continuem a dar confiança a incompetentes

Anónimo disse...

muito bem mano, é claro que isto so fecha por cima do nosso cadaver

moreira

Anónimo disse...

Eu desejo que Miranda continue a ser um pólo da UTAD, ou então da U. de Salamaca... Mas tb gostava de comentar que é uma pena muita gente que até ha bem pouco tempo só falava mal dos(as) universitárias (p***s entre outras coisas), os explorava a cobrarem quartos a preços de Lisboa ou Porto, casas a serem construidas à força toda com a esperança de chular mais uns poucos... e agora que vêem o único sustento ir-se-lhes embora é que começam a chorar...
O mesmo já aconteceu várias vezes atrás, por exemplo os espanhóis deixaram de ir la comer a posta pq os preços começaram a subir exageradamente e a carne deixou de ser mirandesa...agora ainda vem uns papalvos das cidades grandes a comer carne espanhola à mirandesa.
Até na ribeira de uva havia carangejos, que assim que se soube que se comiam não duraram mais que 6 anos!
Não me levem a mal, eu não sou do contra, mas há coisas que é preciso serem ditas pra se pensar um pouco.
Agora façam tudo o que for preciso para defender o pólo, que eu também ajudo!

Anónimo disse...

Sou mirandês e concordo.. o dinheiro é mto mas não é tudo! Se soubermos gerir recursos ao longo dos anos ganhamos mto +!

Anónimo disse...

eu sou jb.pq a discriminação para com o meu partido?juventude bloquista mirandesa vamos unir-nos e levar uma garrafita de jb ao sr. mascarenhas.

Anónimo disse...

Se sos Mirandês bai´l ha dar ua garafa de l'auga ardiente dal tou pobo, agora JB sta tonto, no ? ;-)

Anónimo disse...

Não curto estes pauliteiros. mt cansadinhos. e pauliteiras nem devia haver.. isto é dança guerreira de kem pode com os paus não raparigas

Anónimo disse...

aqui anda outro com dor de corno

Anónimo disse...

e da grande!!